Blog Católico, para os Católicos

"Uma vez que, como todos os fiéis, são encarregados por Deus do apostolado em virtude do Batismo e da Confirmação, os leigos têm a OBRIGAÇÃO e o DIREITO, individualmente ou agrupados em associações, de trabalhar para que a mensagem divina da salvação seja conhecida e recebida por todos os homens e por toda a terra; esta obrigação é ainda mais presente se levarmos em conta que é somente através deles que os homens podem ouvir o Evangelho e conhecer a Cristo. Nas comunidades eclesiais, a ação deles é tão necessária que, sem ela, o apostolado dos pastores não pode, o mais das vezes, obter seu pleno efeito" (S.S. o Papa Pio XII, Discurso de 20 de fevereiro de 1946: citado por João Paulo II, CL 9; cfr. Catecismo da Igreja Católica, n. 900).

segunda-feira, 12 de março de 2012

3º Dia





Mas para mais acender nossa devoção, e avivar nossa confiança, vejamos uma por uma, não todas, mas algumas das grandezas e prerrogativas de São José, de que está cheio o sagrado Evangelho.

1º – Grande e insigne no nome: José quer dizer accrescens, crescido, melhorado, acrescentado. Foi este Santo muito acrescentado na Casa de Deus. Fiquem embora melhorados os filhos do outro José caindo-lhes em casa o morgado de seu tio, que de melhor partido está o nosso José, por ser em sua Casa Morgado Eterno, cujo Reino não está sujeito a alteração alguma.

2º – Grande e insigne no sangue: Joseph, fili David de sangue real, da casa e família de David, tronco tão ilustre com a sucessão de tantos Reis e Profetas, e tão santificado com a descendência do verdadeiro Messias, Cristo Redentor Nosso.

3º – Grande e insigne na vida: Cum esset justus, diz o Evangelho. Varão justo, que quer dizer santo. E assim é São José, o primeiro Santo canonizado na Lei Nova, na Lei Evangélica.

4º – Grande e insigne na prudência: Voluit occulte dimittere eam. Vendo na Senhora indícios de que havia de ser Mãe, não a quis difamar. Quis ausentar-se caladamente.

5º – Grande e insigne na humildade: - Conforme a interpretação de Orígenes, de São Jerônimo, de São Bernardo. Porque, vendo na Senhora indícios de haver de ser Mãe, e estando bem certo e bem seguro da pureza e inteireza da Virgem, entrou a duvidar, fazendo consigo este raciocínio: Sabemos que o Messias há de nascer de uma Virgem, segundo aquilo de Isaías, Ecce Virgo concipiet, et pariet filium. Que sei eu, se já está chegado o tempo e hora deste Mistério, e se Ela é a Virgem da qual há de nascer o Messias. Pois, se assim é, eu não me atrevo, nem mereço estar tão vizinho a este Sacrário da Divindade, quero me ausentar. Voluit occulte dimittere. Como o Rei David, vendo a Majestade da Arca do Testamento que realizava tantas maravilhas. Noluit eam divertere in domum suam. Não se atreveu a colocar em sua casa um Oráculo de Santidade. Teve-se por indigno de tanta honra. Tal foi o Glorioso São José, vendo as maravilhas que o Espírito Santo obrava em Maria, teve-se por indigno de viver na Sua Companhia. Vluit occulte.

6º – Grande e insigne no trato, pois, tratava e conversava com os Anjos. - Um Anjo o vem instruir sobre o Mistério da Encarnação. - Um Anjo o avisou para fugir de Herodes. - Um Anjo o chamou do Egito para a Judéia.

V. Rogai por nós, São José, Esposo da Mãe de Deus;
R. Para que sejamos dignos das promessas de Cristo!

Oração

Oremos: Ó Deus, que por uma inefável Providência Vos dignastes escolher o Bem-aventurado São José para Esposo de Vossa Mãe Santíssima, concedei-nos que aquele mesmo que na Terra veneramos como Protetor e Pai, mereçamos tê-lo no Céu por nosso Intercessor. Nós suplicamos a Vós que viveis e reinais por todos os séculos dos séculos. Amém!

Oremos: Que os méritos, Senhor, do Esposo de Vossa Mãe Santíssima nos sirvam de arrimo, a fim de que a sua intercessão nos obtenha o que não pode o nosso próprio esforço. Nós suplicamos a Vós, que viveis e reinais pelos séculos dos séculos. Amém!

     Oremos: Glorioso São José, que fostes exaltado pelo Eterno Pai, obedecido pelo Verbo Encarnado, favorecido pelo Espírito Santo e amado pela Virgem Maria: Louvo e bendigo à Santíssima Trindade pelos privilégios e méritos com que vos enriqueceu. Sois poderosíssimo e jamais se ouviu dizer, que alguém tenha recorrido a Vós e fosse por Vós desamparado. Sois o Consolador dos aflitos, o Amparo dos míseros e o Advogado dos pecadores. Acolhei, pois, com bondade paternal a quem Vos invoca com filial confiança e alcançai-me as graças que Vos peço nesta Novena... Eu Vos escolho por meu especial Protetor e Pai. Sede, depois de Jesus e Maria, a minha consolação nesta terra, o meu refúgio nas desgraças, o meu guia nas incertezas, o meu conforto nas tribulações; o meu Pai solícito em todas as necessidades. Obtende-me, finalmente, como coroa dos Vossos favores, uma boa e santa morte na graça de Nosso Senhor. Assim seja!

Redes Sociais

Continue Acessando

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...