Blog Católico, para os Católicos

"Uma vez que, como todos os fiéis, são encarregados por Deus do apostolado em virtude do Batismo e da Confirmação, os leigos têm a OBRIGAÇÃO e o DIREITO, individualmente ou agrupados em associações, de trabalhar para que a mensagem divina da salvação seja conhecida e recebida por todos os homens e por toda a terra; esta obrigação é ainda mais presente se levarmos em conta que é somente através deles que os homens podem ouvir o Evangelho e conhecer a Cristo. Nas comunidades eclesiais, a ação deles é tão necessária que, sem ela, o apostolado dos pastores não pode, o mais das vezes, obter seu pleno efeito" (S.S. o Papa Pio XII, Discurso de 20 de fevereiro de 1946: citado por João Paulo II, CL 9; cfr. Catecismo da Igreja Católica, n. 900).

segunda-feira, 16 de abril de 2012

Medjugorje, a história definitiva (VII): Os videntes – Marija Pavlovic.




Marija Pavlovic nasceu no dia 1º de abril de 1965. Ela se casou com Paolo Lunetti no dia 1ª de abril de 1993 e foi para a Cote d’Azur, na França, em lua de mel. O casal agora tem três filhos: Mikaele, nascido no dia 14 de julho de 1994, Francesco Maria, nascido no dia 24 de janeiro de 1996 e Marco Maria, nascido no dia 19 de julho de 1997. A senhora Lunetti vive atualmente em Monza, Itália, numa casa “palaciana” de seis andares [1]. Ela recebeu nove segredos e ainda recebe aparições diárias. É tão íntima de Nossa Senhora que a Santíssima Virgem se permite ser acariciada se Marija o pede. Uma freira que esteve presente enquanto Marija testemunhava uma aparição, relata:

Marija me perguntou se eu queria tocar a Virgem. Eu disse sim imediatamente. Ela então tomou minha mão direita e a subiu até o ombro da Virgem: ela então guiou minha mão para baixo enquanto me dizia o que eu estava tocando. Eu mesma não vi nem senti nada. Assim, eu a acariciei até embaixo, nos pés.

Certamente, essa loucura ridícula e quase blasfema é suficiente para privar Pavlovic de qualquer credibilidade.

Marija recebe de Nossa Senhora e revela a “Mensagem para a Paróquia de Medjugorje e para o mundo” no dia 25 de cada mês.



[1] Ratko Peric, Ogledalo Pravda (Mostar, 2001) p. 31.

Medjugorje depois de 21 anos – 1981-2002 – A História Definitiva, Michael Davies. Tradução de Patrícia Medina.


 

Redes Sociais

Continue Acessando

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...