Blog Católico, para os Católicos

"Uma vez que, como todos os fiéis, são encarregados por Deus do apostolado em virtude do Batismo e da Confirmação, os leigos têm a OBRIGAÇÃO e o DIREITO, individualmente ou agrupados em associações, de trabalhar para que a mensagem divina da salvação seja conhecida e recebida por todos os homens e por toda a terra; esta obrigação é ainda mais presente se levarmos em conta que é somente através deles que os homens podem ouvir o Evangelho e conhecer a Cristo. Nas comunidades eclesiais, a ação deles é tão necessária que, sem ela, o apostolado dos pastores não pode, o mais das vezes, obter seu pleno efeito" (S.S. o Papa Pio XII, Discurso de 20 de fevereiro de 1946: citado por João Paulo II, CL 9; cfr. Catecismo da Igreja Católica, n. 900).

sexta-feira, 6 de julho de 2012

Príncipe pró-vida de Liechtenstein vence votação decisiva.

Príncipe Alois de Liechtenstein
Príncipe Alois de Liechtenstein

CWN | Tradução: Fratres in Unum.com – O Príncipe Alois de Liechtenstein conseguiu uma sólida vitória eleitoral quando 65% dos eleitores do pequeno país votaram ‘não’ em um referendo que acabaria com seu poder de veto legislativo. Apenas 15% do povo de Lichtenstein votou a favor da medida.

Em setembro de 2011, antes de uma votação nacional sobre a descriminalização do aborto, o Príncipe Alois anunciou que, se os eleitores aprovassem a medida, ele usaria de sua autoridade para vetá-la. Na realidade, os eleitores rejeitaram, por uma margem apertada, a proposta para legalizar o aborto. Os proponentes do aborto, então, organizaram um posterior referendo para eliminar o poder de veto real, [proposta] que foi derrotada.


 

Nenhum comentário:

Redes Sociais

Continue Acessando

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...