Blog Católico, para os Católicos

BLOG CATÓLICO, PARA OS CATÓLICOS.

"Uma vez que, como todos os fiéis, são encarregados por Deus do apostolado em virtude do Batismo e da Confirmação, os leigos têm a OBRIGAÇÃO e o DIREITO, individualmente ou agrupados em associações, de trabalhar para que a mensagem divina da salvação seja conhecida e recebida por todos os homens e por toda a terra; esta obrigação é ainda mais presente se levarmos em conta que é somente através deles que os homens podem ouvir o Evangelho e conhecer a Cristo. Nas comunidades eclesiais, a ação deles é tão necessária que, sem ela, o apostolado dos pastores não pode, o mais das vezes, obter seu pleno efeito" (S.S. o Papa Pio XII, Discurso de 20 de fevereiro de 1946: citado por João Paulo II, CL 9; cfr. Catecismo da Igreja Católica, n. 900).

domingo, 21 de fevereiro de 2021

PAIXÕES PRÓPRIAS ÀS DIFERENTES IDADES.

 


Esforcemo-nos, peço-vos, para corrigir-nos em tudo, e para transformar em seus contrários as paixões, que se agitam em nossa alma em cada fase de nossa existência... Nossa vida é um vasto mar. Nos mares verdadeiros há certas regiões onde corremos o risco de sofrer acidentes diversos... O mesmo acontece no que diz respeito à nossa vida.

O mar que primeiro se apresenta à nossa frente, é o mar da infância, fortemente agitado, devido à ausência de razão, à mobilidade, à natureza instável dessa idade; por isso, colocamos ao lado das crianças, pedagogos e mestres, para que eles, como o faz sobre o mar a ciência da navegação. Ao sairmos da infância, entramos no mar da adolescência, onde os ventos sopram forte, enquanto a concupiscência toma vulto em nossa alma. Nesta idade, raro é aquele que se consegue corrigir, não só porque as perturbações nesta fase são mais violentas, mas ainda porque aí as faltas não constituem objeto de censura, tendo-se, a partir de então, suprimido a assistência de mestres e pedagogos. Quando, pois, os ventos são mais violentos, quando o piloto está sem forças e sem ninguém para assisti-lo, podeis imaginar as proporções atingidas pela tempestade. Depois deste período da vida, vem a maturidade, à qual incumbe a tarefa da administração doméstica; chega então o momento em que o homem se casa, possui uma família, cria filhos, e se vê assaltado pelas espessas nuvens das preocupações. Nesta idade florescem sobretudo a avareza e o ciúme…


Fonte: São João Crisóstomo, "Homilia LXXXI, sobre o Evangelho de São Mateus, 3.


Nenhum comentário:

Redes Sociais

Continue Acessando

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...