Blog Católico, para os Católicos

BLOG CATÓLICO, PARA OS CATÓLICOS.

"Uma vez que, como todos os fiéis, são encarregados por Deus do apostolado em virtude do Batismo e da Confirmação, os leigos têm a OBRIGAÇÃO e o DIREITO, individualmente ou agrupados em associações, de trabalhar para que a mensagem divina da salvação seja conhecida e recebida por todos os homens e por toda a terra; esta obrigação é ainda mais presente se levarmos em conta que é somente através deles que os homens podem ouvir o Evangelho e conhecer a Cristo. Nas comunidades eclesiais, a ação deles é tão necessária que, sem ela, o apostolado dos pastores não pode, o mais das vezes, obter seu pleno efeito" (S.S. o Papa Pio XII, Discurso de 20 de fevereiro de 1946: citado por João Paulo II, CL 9; cfr. Catecismo da Igreja Católica, n. 900).

sábado, 21 de maio de 2022

Novena em Honra de Maria Santíssima Auxiliadora. 8º Dia.


Advertência e Recomendações

de São João Bosco1


1ª. Para que uma Novena seja feita com gosto, agradável a Deus e aproveite a quem a faz, é preciso começá-la na graça de Deus.2

2ª. A grande coisa que eu recomendaria nesta Novena, é que cada um tenha tanta paz na consciência, que possa comungar todos os dias.3

3ª. O mês de Maio é a festa da nossa Mãe, da nossa celeste protetora. Celebremo-la com alegria. As mais belas flores que podemos oferecer-lhe são as virtudes, das quais Ela nos ofereceu luminoso exemplo.4

4ª. Desejo que todos, neste mês e nesta Novena a Maria, peçam a esta boa Mãe a graça de se verem livres de todos os perigos da vida e do mundo.5

5ª. A festa de Maria Auxiliadora deve ser prelúdio da festa eterna que deveremos celebrar todos juntos, um dia, no Paraíso.6


NOVENA


8º Dia


Pelo sinal da Santa Cruz, livrai-nos , Deus, nosso Senhor, dos nossos inimigos. Em nome do Pai †, e do Filho e do Espírito Santo. Amém.


Ato de contrição

Senhor meu Jesus Cristo, Deus e homem verdadeiro, Criador, Pai e Redentor meu: porque sois a Infinita Bondade, amo-Vos, Senhor, mais que todas as coisas e mais que a mim mesmo. Pesa-me, Senhor, de Vos ter ofendido; e pelo vosso amor, e porque assim o quereis e me o mandais, perdoo de todo coração a todos os meus inimigos, para que Vós, Senhor, useis comigo de perdão e misericórdia e esqueçais minhas passadas culpas. Ofereço-Vos minha vida, obras e trabalhos, em satisfação dos meus pecados. Concedei-me a graça de perseverar em vosso amor e serviço até à morte. Amém.


V. Vinde, ó Deus, em meu auxílio.

R. Socorrei-me sem demora.

V. Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo.

R. Assim como era no princípio, agora e sempre, por todos os séculos dos séculos. Amém.



8º Dia


Maria Santíssima

é o Canal e o Veículo da Fé


São João Bosco dizia:


Como Profissão de Fé, todos devem fazer com recolhimento e devoção o Sinal da Cruz”.7

Todos devem ter fé, porque todo bem, tanto espiritual quanto material, vem do Senhor”.8

Enquanto alguém se conserva casto, tem sempre viva fé, firme esperança e ardente caridade”.9

Maria Auxiliadora obteve e obterá sempre graças especiais, mesmo, extraordinárias e miraculosas, para aqueles que colaboram para dar educação cristã à juventude excluída, com obras, com conselho, com bom exemplo ou simplesmente com a oração”.10

Nestes tempos, faltando os meios materiais para educar à fé e ao bom costume os abandonados, a Santa Virgem se constituiu, Ela mesma, sua protetora”.11

Eu pretendo viver e morrer na Santa Religião Católica, que tem por Chefe o Romano Pontífice, Vigário de Jesus Cristo sobre a terra. Creio e professo todas as Verdades da Fé que Deus revelou à sua Igreja”.12



Oração


Ó Maria, Coluna espiritual da Igreja e Auxiliadora dos Cristãos, peço-Vos que me conserveis firme na divina Fé e mantenhais em mim a liberdade dos filhos de Deus. Por minha parte Vos prometo, não manchar minha alma nem prendê-la ao pecado, não participar de sociedade alguma secreta, nem filiar-me nunca às Seitas maçônicas condenadas pela Santa Sé; prometo-Vos que serei obediente ao Sumo Pontífice e aos Bispos que se acham em comunhão com Ele, querendo viver e morrer no seio da Religião Católica, na qual só posso esperar, com certeza, alcançar a minha eterna salvação. Amém.

Ave Maria… Glória ao Pai…

V. Concedei-me que eu Vos louve, Virgem sagrada.

R. Dai-me valor contra os vossos inimigos.

Oremos: Deus Onipotente e misericordioso que, para defesa do povo cristão, concedestes perpétuo e admirável auxílio na pessoa da Virgem Maria, dai, propício, a graça de vencer na última hora o infernal inimigo àqueles que presentemente lutam sob tão grande patrocínio. Por Nosso Senhor Jesus Cristo. Amém.



Consagração a Nossa Senhora Auxiliadora13


Ó Santíssima e Imaculada Virgem Maria, terníssima Mãe nossa e poderoso Auxílio dos Cristãos, nós nos consagramos inteiramente ao vosso doce amor e ao vosso santo serviço. Consagramo-Vos a mente com seus pensamentos, o coração com seus afetos, o corpo com seus sentidos e com todas as suas forças, e prometemos querer sempre trabalhar para a maior glória de Deus e a salvação das almas.

Vós, entretanto, ó Virgem incomparável, que fostes sempre a Auxiliadora do povo cristão, continuai por piedade, a mostrar-Vos tal, especialmente nestes dias.

Humilhai os inimigos da nossa Santa Religião e frustrai seus perversos intentos. Iluminai e fortificai os Bispos e os Sacerdotes, e conservai-os sempre unidos e obedientes ao Papa, Mestre infalível; preservai da irreligião e do vício a incauta mocidade; promovei as santas vocações e aumentai o número dos Ministros sagrados, a fim de que, por meio deles, se conserve o Reino de Jesus Cristo entre nós e se estenda até aos últimos confins da terra.

Suplicamo-Vos também, ó dulcíssima Mãe nossa, que lanceis continuamente vossos olhares piedosos, sobre a incauta mocidade rodeada de tantos perigos, sobre os pobres pecadores e moribundos; sede para com todos, ó Maria, doce esperança, Mãe de misericórdia e Porta do Céu.

Mas também por nós Vos suplicamos, ó grande Mãe de Deus. Ensinai-nos a copiar em nós vossas virtudes, e de modo especial, vossa angélica modéstia, humildade profunda e ardente caridade; a fim de que, por quanto for possível, com nossa presença, com nossas palavras e com nosso exemplo, representemos ao vivo no meio do mundo a Jesus, vosso bendito Filho, Vos façamos conhecer e amar, e possamos por este meio salvar muitas almas.

Fazei mais, ó Maria Auxiliadora, que estejamos todos unidos debaixo do vosso manto maternal. Fazei que nas tentações, Vós invoquemos logo com toda a confiança. Fazei, enfim, que o pensamento de que sois tão boa, tão amável e querida, a lembrança do amor que tendes aos vossos devotos, nos conforte de tal modo, que, na vida e na morte, saiamos vitoriosos contra os inimigos de nossa alma, e possamos depois unir-nos conVosco no Paraíso. Amém.

María, Auxílium Christianórum, ora pro nobis.14


*Recomenda-se a Recitação do Terço do Dia e a



Ladainha de Nossa Senhora15

(Atualizada)


Senhor, tende piedade de nós.

Jesus Cristo, tende piedade de nós.

Senhor, tende piedade de nós.


Jesus Cristo, ouvi-nos.

Jesus Cristo, atendei-nos.


Pai celeste que sois Deus, tende piedade de nós.

Filho, Redentor do mundo, que sois Deus, tende piedade de nós.

Espírito Santo, que sois Deus, tende piedade de nós.

Santíssima Trindade, que sois um só Deus. tende piedade de nós.


Santa Maria, rogai por nós.

Santa Mãe de Deus,

Santa Virgem das Virgens,

Mãe de Jesus Cristo,

Mãe da Igreja,*16

Mãe de misericórdia,*17

Mãe da divina graça,

Mãe da esperança,*

Mãe puríssima,

Mãe castíssima,

Mãe imaculada,

Mãe intacta,

Mãe amável,

Mãe admirável,

Mãe do bom conselho,

Mãe do Criador,

Mãe do Salvador,

Virgem prudentíssima,

Virgem venerável,

Virgem louvável,

Virgem poderosa,

Virgem clemente,

Virgem fiel,

Espelho de justiça,

Sede de sabedoria,

Causa da nossa alegria,

Vaso espiritual,

Vaso honorífico,

Vaso insigne de devoção,

Rosa mística,

Torre de Davi,

Torre de marfim,

Casa de ouro,

Arca da aliança,

Porta do céu,

Estrela da manhã,

Saúde dos enfermos,

Refúgio dos pecadores,

Conforto dos migrantes,*

Consoladora dos aflitos,

Auxílio dos cristãos,

Rainha dos anjos,

Rainha dos patriarcas,

Rainha dos profetas,

Rainha dos apóstolos,

Rainha dos mártires,

Rainha dos confessores,

Rainha das virgens,

Rainha de todos os santos,

Rainha concebida sem pecado original,

Rainha elevada ao céu,

Rainha do sacratíssimo rosário,

Rainha da família,*18

Rainha da paz,


Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, perdoai-nos Senhor.

Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, ouvi-nos Senhor.

Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, tende piedade de nós.


V. Rogai por nós, Santa Mãe de Deus.

R. Para que sejamos dignos das promessas de Cristo.


Oremos: Senhor Deus, nós Vos suplicamos que concedais aos vossos servos perpétua saúde de alma e de corpo; e que, pela gloriosa intercessão da Bem-aventurada sempre Virgem Maria, sejamos livres da presente tristeza e gozemos da eterna alegria. Por Cristo Nosso Senhor. Amém.


_______________

1.  Teresio Bosco, “Os Pensamentos de Dom Bosco”, Letra “N”, Ponto “Novena”, p. 69. ABC Gráfica Editora, Brasília/DF, 2001.

2.  Memorie Biografiche di Don Giovanni Bosco, VI, 84. Torino, 1898-1939.

3.  Memorie Biografiche di Don Giovanni Bosco, XII, 30. Torino, 1898-1939.

4.  MM 16.

5.  MB XIII, 407.

6.  Duas cartas de Roma SPS 289.

7.  MB III, 588.

8.  MB III, 613.

9.  MB IX, 706.

10.  Memórias 1841-1886 SPS 327.

11.  Memórias 1841-1886 SPS 318.

12.  Memórias 1841-1886 SPS 351.

13.  São João Bosco, “O Jovem Instruído – Na Prática de seus Deveres Religiosos”, 2ª Parte, Cap. VII, pp. 237-238. 9ª Edição Brasileira no Ano Centenário da Obra, Livraria Salesiana Editora, São Paulo/SP, 1948. [Oração Indulgenciada]

14.  Jaculatória indulgenciada.

15. Com indulgência parcial são enriquecidas as ladainhas aprovadas pela Autoridade competente. Sobressaem-se entre elas as seguintes: do Santíssimo Nome de Jesus, do Sagrado Coração de Jesus, do Preciosíssimo Sangue de Nosso Senhor Jesus Cristo, da Santíssima Virgem Maria, de São José e de Todos os Santos. (Manual das Indulgências – Normas e Concessões, n. 29, p. 54. 2ª Edição, Editora Paulos, São Paulo/SP, 1990).


Oração a Santa Rita de Cássia, a Santa das Causas Impossíveis.

(para o dia 22 de cada mês)1


Belíssimo, com os fulgores do Paraíso, foi para vós, gloriosa Santa Rita, o dia 22 de Maio do ano 1457, que vos abriu as portas da Jerusalém celeste, onde, por todos os séculos, vos foi cingida a esplêndida aureola dos Santos e da felicidade sempiterna. Belo também para nós, feridos pelo espinho do degredo neste vale de lágrimas, foi aquele dia feliz em que começastes a espalhar sobre o mundo o bálsamo consolador de vosso Patrocínio; belo e cheio de alegria para todos os crentes, pobres filhos de Eva, degredados nesta terra semeada de espinhos, inundada de lágrimas, envolta nas sombras da morte: saturados de amargura, a vós, ó Santa Rita, elevamos nosso olhar ardente de fé e cheio de esperança em vós que, desde aquele dia, fostes constituída pelo Senhor Onipotente poderosa remediadora de todas as necessidades. Mas se é doce e consolador prostrar-se diante de vós, e em honra vossa louvar o dia 22 de cada mês, como feliz lembrança de vosso felicíssimo trânsito, princípio para nós de conforto celeste, pela vossa ininterrupta intercessão. Ah! Não susteis no futuro o amor que dispensais aos vossos devotos, e fazei que a vossa proteção seja para nós todos escudo contra o pecado. Rogai sempre por todos os que vos saúdam e pedem vosso auxílio, ó Advogada das causas impossíveis! Santa dos tempos presentes, socorrei os pobres, ajudai os pusilânimes, sarai os doentes, consolai os aflitos, protegei a Santa Igreja, amparai o Santo Padre e abençoai nossa família.

Nós, neste dia abençoado, vos saudamos, gloriosa Santa Rita. Rogai por nós, ó Taumaturga de Cássia! Para que sejamos dignos de alcançar as promessas de Cristo. Amém.


Três Pai Nossos, Ave Marias e Glória ao Pai.


___________________

1.  Exmo. e Revmo. D. Bernardo Martinez Noval, Bispo de Almeria, “Devocionário e Mês de Santa Rita de Cássia”, 2ª Parte. Editora Vozes Ltda., Petrópolis/RJ, 1938.


Novena em Honra de Maria Santíssima Auxiliadora. 7º Dia.


Advertência e Recomendações

de São João Bosco1


1ª. Para que uma Novena seja feita com gosto, agradável a Deus e aproveite a quem a faz, é preciso começá-la na graça de Deus.2

2ª. A grande coisa que eu recomendaria nesta Novena, é que cada um tenha tanta paz na consciência, que possa comungar todos os dias.3

3ª. O mês de Maio é a festa da nossa Mãe, da nossa celeste protetora. Celebremo-la com alegria. As mais belas flores que podemos oferecer-lhe são as virtudes, das quais Ela nos ofereceu luminoso exemplo.4

4ª. Desejo que todos, neste mês e nesta Novena a Maria, peçam a esta boa Mãe a graça de se verem livres de todos os perigos da vida e do mundo.5

5ª. A festa de Maria Auxiliadora deve ser prelúdio da festa eterna que deveremos celebrar todos juntos, um dia, no Paraíso.6


NOVENA


7º Dia


Pelo sinal da Santa Cruz, livrai-nos , Deus, nosso Senhor, dos nossos inimigos. Em nome do Pai †, e do Filho e do Espírito Santo. Amém.


Ato de contrição

Senhor meu Jesus Cristo, Deus e homem verdadeiro, Criador, Pai e Redentor meu: porque sois a Infinita Bondade, amo-Vos, Senhor, mais que todas as coisas e mais que a mim mesmo. Pesa-me, Senhor, de Vos ter ofendido; e pelo vosso amor, e porque assim o quereis e me o mandais, perdoo de todo coração a todos os meus inimigos, para que Vós, Senhor, useis comigo de perdão e misericórdia e esqueçais minhas passadas culpas. Ofereço-Vos minha vida, obras e trabalhos, em satisfação dos meus pecados. Concedei-me a graça de perseverar em vosso amor e serviço até à morte. Amém.


V. Vinde, ó Deus, em meu auxílio.

R. Socorrei-me sem demora.

V. Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo.

R. Assim como era no princípio, agora e sempre, por todos os séculos dos séculos. Amém.



7º Dia


Nossa Senhora Auxiliadora,

Sustentáculo do Povo Cristão.


São João Bosco dizia:

Querem ser fortes para combater contra o Demônio e as suas tentações? Amem a Igreja, venerem o Sumo Pontífice, frequentem os Sacramentos, visitem com frequência a Jesus nos seus tabernáculos, sejam muito devotos de Maria Santíssima, ofereçam-Lhe seu coração, e então superarão todas as batalhas e os enganos do mundo”.7

Quando vocês forem tentados, não fiquem esperando que a tentação tome conta do coração de vocês, mas façam alguma coisa para livrarem-se dela, ou com trabalho, ou com a oração. Se a tentação continuar, façam o Sinal da Cruz e digam: Maria, Auxiliadora dos cristãos, rogai por mim”.8

Nós estamos neste mundo como em um mar encapelado, como em um exílio, em um vale de lágrimas. Maria é a estrela do mar, o conforto do nosso exílio, a luz que nos mostra o caminho do Céu, enxugando-nos as lágrimas”.9

Maria ajuda os justos, porque conserva neles a graça de Deus; ajuda os pecadores, porque intercede por eles diante da misericórdia de Deus”.10

Maria nos mantenha todos firmes e nos guie pelo caminho do Céu”.11

Herege – (lat. hereticus). Aquele que professa doutrina contrária aos dogmas da Igreja. Ateu, ímpio, irreligioso, que não pratica os deveres religiosos. Heresia – (grego. escolher). Antigamente usava-se tanto no bom como no mau sentido. Hoje sempre no mau sentido, porque o termo é usado para exprimir um erro condenado pela Igreja em termos expressos e professados com conhecimento de causa e vontade deliberada. Chama-se herético, aquele que, conhecendo o erro condenado pela Igreja, apesar de tudo o segue e professa”. “Cisma – (grego. separar). A separação ou rompimento que fazem aqueles membros da Igreja, que não querendo submeter-se plenamente às ordens do Romano Pontífice, se separam da sua obediência”.12



Oração


Ó Maria, Mãe de piedade e de clemência, que tantas vezes com vossa eficaz intercessão salvastes os cristãos da peste e outros flagelos corporais, socorrei-os e livrai-os agora da peste da impiedade e da irreligião, que de mil modos se quer insinuar em seus ânimos para afastá-los da Igreja e da prática da piedade, particularmente por meio de Seitas, da imprensa e das escolas perversas. Por piedade, vo-lO peço, sustentai os bons para que possam perseverar, fortalecei os fracos e chamais à penitência os pobres transviados e os pecadores, a fim de que, triunfe aqui na terra a verdade e o Reino de Jesus Cristo, e desse modo aumente a vossa glória e o número dos eleitos no Céu. Amém.

Ave Maria… Glória ao Pai…

V. Concedei-me que eu Vos louve, Virgem sagrada.

R. Dai-me valor contra os vossos inimigos.

Oremos: Deus Onipotente e misericordioso que, para defesa do povo cristão, concedestes perpétuo e admirável auxílio na pessoa da Virgem Maria, dai, propício, a graça de vencer na última hora o infernal inimigo àqueles que presentemente lutam sob tão grande patrocínio. Por Nosso Senhor Jesus Cristo. Amém.



Consagração a Nossa Senhora Auxiliadora13


Ó Santíssima e Imaculada Virgem Maria, terníssima Mãe nossa e poderoso Auxílio dos Cristãos, nós nos consagramos inteiramente ao vosso doce amor e ao vosso santo serviço. Consagramo-Vos a mente com seus pensamentos, o coração com seus afetos, o corpo com seus sentidos e com todas as suas forças, e prometemos querer sempre trabalhar para a maior glória de Deus e a salvação das almas.

Vós, entretanto, ó Virgem incomparável, que fostes sempre a Auxiliadora do povo cristão, continuai por piedade, a mostrar-Vos tal, especialmente nestes dias.

Humilhai os inimigos da nossa Santa Religião e frustrai seus perversos intentos. Iluminai e fortificai os Bispos e os Sacerdotes, e conservai-os sempre unidos e obedientes ao Papa, Mestre infalível; preservai da irreligião e do vício a incauta mocidade; promovei as santas vocações e aumentai o número dos Ministros sagrados, a fim de que, por meio deles, se conserve o Reino de Jesus Cristo entre nós e se estenda até aos últimos confins da terra.

Suplicamo-Vos também, ó dulcíssima Mãe nossa, que lanceis continuamente vossos olhares piedosos, sobre a incauta mocidade rodeada de tantos perigos, sobre os pobres pecadores e moribundos; sede para com todos, ó Maria, doce esperança, Mãe de misericórdia e Porta do Céu.

Mas também por nós Vos suplicamos, ó grande Mãe de Deus. Ensinai-nos a copiar em nós vossas virtudes, e de modo especial, vossa angélica modéstia, humildade profunda e ardente caridade; a fim de que, por quanto for possível, com nossa presença, com nossas palavras e com nosso exemplo, representemos ao vivo no meio do mundo a Jesus, vosso bendito Filho, Vos façamos conhecer e amar, e possamos por este meio salvar muitas almas.

Fazei mais, ó Maria Auxiliadora, que estejamos todos unidos debaixo do vosso manto maternal. Fazei que nas tentações, Vós invoquemos logo com toda a confiança. Fazei, enfim, que o pensamento de que sois tão boa, tão amável e querida, a lembrança do amor que tendes aos vossos devotos, nos conforte de tal modo, que, na vida e na morte, saiamos vitoriosos contra os inimigos de nossa alma, e possamos depois unir-nos conVosco no Paraíso. Amém.

María, Auxílium Christianórum, ora pro nobis.14


*Recomenda-se a Recitação do Terço do Dia e a



Ladainha de Nossa Senhora15

(Atualizada)


Senhor, tende piedade de nós.

Jesus Cristo, tende piedade de nós.

Senhor, tende piedade de nós.


Jesus Cristo, ouvi-nos.

Jesus Cristo, atendei-nos.


Pai celeste que sois Deus, tende piedade de nós.

Filho, Redentor do mundo, que sois Deus, tende piedade de nós.

Espírito Santo, que sois Deus, tende piedade de nós.

Santíssima Trindade, que sois um só Deus. tende piedade de nós.


Santa Maria, rogai por nós.

Santa Mãe de Deus,

Santa Virgem das Virgens,

Mãe de Jesus Cristo,

Mãe da Igreja,*16

Mãe de misericórdia,*17

Mãe da divina graça,

Mãe da esperança,*

Mãe puríssima,

Mãe castíssima,

Mãe imaculada,

Mãe intacta,

Mãe amável,

Mãe admirável,

Mãe do bom conselho,

Mãe do Criador,

Mãe do Salvador,

Virgem prudentíssima,

Virgem venerável,

Virgem louvável,

Virgem poderosa,

Virgem clemente,

Virgem fiel,

Espelho de justiça,

Sede de sabedoria,

Causa da nossa alegria,

Vaso espiritual,

Vaso honorífico,

Vaso insigne de devoção,

Rosa mística,

Torre de Davi,

Torre de marfim,

Casa de ouro,

Arca da aliança,

Porta do céu,

Estrela da manhã,

Saúde dos enfermos,

Refúgio dos pecadores,

Conforto dos migrantes,*

Consoladora dos aflitos,

Auxílio dos cristãos,

Rainha dos anjos,

Rainha dos patriarcas,

Rainha dos profetas,

Rainha dos apóstolos,

Rainha dos mártires,

Rainha dos confessores,

Rainha das virgens,

Rainha de todos os santos,

Rainha concebida sem pecado original,

Rainha elevada ao céu,

Rainha do sacratíssimo rosário,

Rainha da família,*18

Rainha da paz,


Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, perdoai-nos Senhor.

Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, ouvi-nos Senhor.

Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, tende piedade de nós.


V. Rogai por nós, Santa Mãe de Deus.

R. Para que sejamos dignos das promessas de Cristo.


Oremos: Senhor Deus, nós Vos suplicamos que concedais aos vossos servos perpétua saúde de alma e de corpo; e que, pela gloriosa intercessão da Bem-aventurada sempre Virgem Maria, sejamos livres da presente tristeza e gozemos da eterna alegria. Por Cristo Nosso Senhor. Amém.


_______________________

1.  Teresio Bosco, “Os Pensamentos de Dom Bosco”, Letra “N”, Ponto “Novena”, p. 69. ABC Gráfica Editora, Brasília/DF, 2001.

2.  Memorie Biografiche di Don Giovanni Bosco, VI, 84. Torino, 1898-1939.

3.  Memorie Biografiche di Don Giovanni Bosco, XII, 30. Torino, 1898-1939.

4.  MM 16.

5.  MB XIII, 407.

6.  Duas cartas de Roma SPS 289.

7.  MB VI, 347.

8.  De O Jovem Instruído.

9.  MM 169.

10.  MD 17.

11.  Três cartas de Roma SS 369.

12.  São João Bosco, “História Eclesiástica – Para uso da Juventude”, Apêndice – Dicionário, pp. 280 e 290. 5ª Edição Brasileira, Livraria Editora Salesiana “LES”, São Paulo/SP, 1954.

13.  São João Bosco, “O Jovem Instruído – Na Prática de seus Deveres Religiosos”, 2ª Parte, Cap. VII, pp. 237-238. 9ª Edição Brasileira no Ano Centenário da Obra, Livraria Salesiana Editora, São Paulo/SP, 1948. [Oração Indulgenciada]

14.  Jaculatória indulgenciada.

15. Com indulgência parcial são enriquecidas as ladainhas aprovadas pela Autoridade competente. Sobressaem-se entre elas as seguintes: do Santíssimo Nome de Jesus, do Sagrado Coração de Jesus, do Preciosíssimo Sangue de Nosso Senhor Jesus Cristo, da Santíssima Virgem Maria, de São José e de Todos os Santos. (Manual das Indulgências – Normas e Concessões, n. 29, p. 54. 2ª Edição, Editora Paulos, São Paulo/SP, 1990).


Redes Sociais

Continue Acessando

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...