Blog Católico, para os Católicos

BLOG CATÓLICO, PARA OS CATÓLICOS.

"Uma vez que, como todos os fiéis, são encarregados por Deus do apostolado em virtude do Batismo e da Confirmação, os leigos têm a OBRIGAÇÃO e o DIREITO, individualmente ou agrupados em associações, de trabalhar para que a mensagem divina da salvação seja conhecida e recebida por todos os homens e por toda a terra; esta obrigação é ainda mais presente se levarmos em conta que é somente através deles que os homens podem ouvir o Evangelho e conhecer a Cristo. Nas comunidades eclesiais, a ação deles é tão necessária que, sem ela, o apostolado dos pastores não pode, o mais das vezes, obter seu pleno efeito" (S.S. o Papa Pio XII, Discurso de 20 de fevereiro de 1946: citado por João Paulo II, CL 9; cfr. Catecismo da Igreja Católica, n. 900).

sábado, 17 de julho de 2021

Sermão de D. Fernando na Santa Missa Festiva. 2ª parte.

Sermão de D. Fernando na Santa Missa Festiva. 1ª Parte.

Devoção dos Sete Pai Nossos e Sete Ave Marias, do Santo Escapulário, da Santíssima Virgem Maria do Monte Carmelo.


Introdução1


Entre as muitas louváveis e fervorosas devoções com que os confrades e filhos do Carmelo procuram honrar a sua tão carinhosa quanto poderosa Mãe, conta-se dos sete Pai Nossos e sete Ave Marias, que eles costumam rezar diariamente em memória das sete principais alegrias que teve seu maternal Coração, antes de sua morte.


Quão agradável seja à Santíssima Virgem esta devoção, Ela mesma o deu a conhecer ao glorioso Mártir São Tomás, Arcebispo de Cantuária, na Inglaterra. Achando-se este Santo, segundo refere Bostio, em seu livro Marial, nesse devoto exercício, apareceu-lhe visivelmente num dia a Santíssima Virgem e, doce e sonoramente lhe disse:


Ó meu amado Tomás, grande é o prazer que me dás com as honras e obséquios que me tributas, saudando-me em memória das sete alegrias que tive no mundo; mas, convém que saibas, serem-me ainda mais agradáveis teus obséquios, se também considerares as sete principais alegrias que, entre muitas infinitas, goza minha alma no Céu”.


Modo de Praticar esta Devoção



Em nome do Pai, e do Filho e do Espírito Santo. Amém.


I. Alegro-me convosco, ó Rainha do Céu, pela grande alegria que tivestes, quando o Eterno Verbo encarnou no vosso puríssimo ventre e prontamente destes o vosso consentimento, com dizerdes: Ecce Ancilla Domini – Eis a Escrava do Senhor, e tudo por obra do Espírito Santo, sem prejuízo, antes com aumento da vossa inefável pureza.


Pai Nosso, Ave Maria e Glória ao Pai.


II. Alegro-me convosco, Mãe Santíssima, pela alegria que sentistes quando destes à luz o Salvador, o Eterno Verbo humanado, o tão desejado Messias; formado do vosso puríssimo Sangue, para resgatar o gênero humano, feito escravo pela culpa dos nossos primeiros pais.


Pai Nosso, Ave Maria e Glória ao Pai.


III. Alegro-me convosco, Gloriosa Virgem, pela alegria que sentistes quando vistes três Magos idólatras prostrados aos pés de vosso amado Filho, adorando-O como Senhor do mundo com ofertas, e declarando-O Sumo Sacerdote, Rei e Redentor.


Pai Nosso, Ave Maria e Glória ao Pai.


IV. Alegro-me convosco, Mãe piedosa, pela alegria que sentistes quando, sem precisão para cumprir a Lei da Purificação, Vos apresentastes com vosso amado Filho no Templo, ouvindo-O declarar por Simeão, Salvador do mundo e destruidor do pecado.


Pai Nosso, Ave Maria e Glória ao Pai.


V. Alegro-me convosco, Castíssima Mãe, pela alegria que sentistes quando depois de três amargos dias, encontrastes com grande contentamento o vosso amado Filho no Templo entre os Doutores da Lei.


Pai Nosso, Ave Maria e Glória ao Pai.


VI. Alegro-me convosco, Rosa sem espinhos, pela alegria que sentistes, vendo vosso caríssimo Filho ressuscitado e glorioso, aniquilado o pecado, espoliado o Inferno, e consolado o Paraíso.


Pai Nosso, Ave Maria e Glória ao Pai.


VII. Alegro-me convosco, Refúgio dos Pecadores, pela alegria que sentistes vendo o vosso amado Filho triunfante subir ao Céu, acompanhado e louvado pelos Anjos, para reinar eternamente à direita do Eterno Pai.


Pai Nosso, Ave Maria e Glória ao Pai.


V. Rogai por nós, ó Virgem Santíssima do Carmo.

R. Para que sejamos dignos das promessas de Cristo.


Oferecimento


Ó Virgem Santíssima do Carmo! Rogo-Vos que me alcanceis do vosso querido Filho Jesus, a graça de imitar vossas virtudes e conseguir as graças e favores que prometeis aos que devotamente usam de vosso Sagrado Escapulário, para que assim obtenha vosso maternal amparo na hora da morte. Amém.



Orações à Santíssima Virgem do Carmo


Virgem Santíssima do Carmo, sede minha protetora e advogada: em Vosso Patrocínio, ponho toda a minha esperança; intercedei por mim a vosso benditíssimo Filho e alcançai-me a graça de viver e morrer santamente. Amém.


Deus, que com o singularíssimo título da sempre Bem-aventurada Virgem Maria condecorastes a Ordem do Carmo, concedei propício a quantos a sua Comemoração celebram, que corroborados dos auxílios da vossa graça, mereçam gozar dos eternos gostos, em que viveis e reinais por todos os séculos dos séculos. Amém.


Pai Nosso, Ave Maria e Salve Rainha.



Oração


Bendita e imaculada Virgem Maria, beleza e glória do Carmelo, Vós, que tratais com bondade inteiramente especial aos que trazem o vosso amadíssimo hábito, olhai-me benignamente, cobri-me com o manto de vossa maternal proteção. Fortificai a minha fraqueza, com o vosso poder; iluminai as trevas do meu espírito com a vossa sabedoria; aumentai em mim a fé, a esperança e a caridade. Ornai a minha alma com graças e virtudes que a façam cara a Vós e a vosso divino Filho. Assisti-me durante a vida, consolai-me na hora da morte, com a vossa amável presença, e apresentai-me à augustíssima Trindade, como vosso filho e servo dedicado, para Vos louvar e bendizer eternamente, no Paraíso. Amém.2


______________________

1.  Manual das Missões e Devocionário Popular, por um Pe. Das Missões, pp. 532-536. 1908.

2.  Indulgenciada em 16 de Janeiro de 1886 e em 03 de Julho de 1886.


Cortejo de Entrada e Ritos Iniciais da Santa Missa, em Honra de Nossa Se...

Oração Indulgenciada, a Nossa Senhora do Carmo.


Bendita e Imaculada Virgem Maria, beleza e glória do Carmelo, Vós, que tratais com bondade inteiramente especial aos que trazem o vosso amadíssimo hábito, olhai-me benignamente, cobri-me com o manto de vossa maternal proteção. Fortificai a minha fraqueza, com o vosso poder; iluminai as trevas do meu espírito com a vossa sabedoria; aumentai em mim a fé, a esperança e a caridade. Ornai a minha alma com graças e virtudes que a façam cara a Vós e a vosso divino Filho. Assisti-me durante a vida, consolai-me na hora da morte, com a vossa presença, e apresentai-me à augustíssima Trindade, como vosso filho e servo dedicado, para Vos louvar e bendizer eternamente, no Paraíso. Amém.1


_________________

1.  Indulgenciada em 16 de Janeiro de 1886 e em 03 de Julho de 1886.


Redes Sociais

Continue Acessando

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...